A desertificação no Brasil

A desertificação no interior do Brasil está aumentando cada dia mais. Em uma comferencia que teve cientistas do mundo todo apontou o interior do Brasil um dos mais afetados como os enpactos do fenômeno da desertificação. A desertificação é o mais grave problema ambiental desta região; atinge uma área de mais de 900.000 km2 , afetando direta ou indiretamente mais de 15.000.000 de brasileiros, não existindo no País outro problema ambiental que atinja tamanha área e a tantas pessoas. Isto tem provocado importantes impactos ambientais, sociais e econômicos. Por exemplo, nos 600 mil hectares já existentes de agricultura irrigada, registram-se sinais de salinização e/ou compactação do solo em cerca de 30% da área. Os impactos ambientais podem ser visualizados através da destruição da biodiversidade (flora e fauna), da diminuição da disponibilidade de recursos hídricos, através do assoreamento de rios e reservatórios e da perda física e química dos solos. Todos estes fatores reduzem a capacidade produtiva da terra, diminuindo a produtividade agrícola e, portanto, impactando as populações. Os prejuízos sociais podem ser caracterizados pelas importantes mudanças que a crescente perda da capacidade produtiva provoca nas unidades familiares. As migrações desestruturam as famílias e impactam as zonas urbanas, que quase sempre não estão em condições de oferecer serviços às massas de migrantes que para lá se deslocam. A população afetada caracteriza-se por alta vulnerabilidade, já que estão entre os mais pobres da região, e com índices de qualidade de vida muito abaixo da média nacional. Então se a gente não cuidar do nosso interior da qui ums dia nã vai ter nem um, e quando se tomar conta vai ser tarde de mais para fazer alguma coisa.

Nome: Dalmo gonçalves Ribeiro filho Serie: 1° colegial Materia: Geografia Oriemtador: Célio Paião

Publicado
Visualizações
2.112
Votos
4