Comentar - “Sempre haverá Paris”